28 set 2017
setembro 28, 2017

Escola de Bambu

0 Comment

Direção: Vinícius Zanotti. Produção: Vinícius Zanotti, Nada Audiovisual e INPUT arte sonora. Fotografia e Montagem: Vinícius Zanotti. Música: Gabriel de Goes Gabriel.

Na periferia de Monróvia, capital da Libéria, país africano devastado por uma guerra civil entre os anos 1989 e 2003, Sabato Neufville ergueu uma escola com paredes de bambu e teto de folhas de zinco. No local, 160 crianças são alfabetizadas e adquirem noções de geografia, história, inglês e ciências. Como o país não conta com educação gratuita, este funcionário da ONU remunera do próprio bolso os professores da comunidade de Fendell, onde os vencimentos podem não chegar a 10 dólares americanos ao mês. Este documentário, produzido durante uma convalescência por malária e febre tifóide, tem como objetivo ser o alicerce de um movimento em prol da construção de uma escola de alvenaria para aquelas crianças. Ele é uma síntese de ações voluntárias que mobilizam brasileiros das áreas de arquitetura, direito e comunicação que acreditam que a solidariedade não enxerga fronteiras.

 

 

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *