Autores: Evelise Maria Labatut Portilho – PUCPR e Ricardo Tescarolo – PUCPR

RESUMO

Este trabalho apresenta um estudo sobre o sistema complexo do pensamento humano que surge da reflexão sobre o conhecimento e que é reconhecido como metacognição. A concepção aqui advogada propõe uma crítica a um tipo ainda hegemônico de pensamento utilitarista e funcionalista, em detrimento de uma cognição reflexiva que propicie a urgente e profunda capacidade de compreender o que corrompe hoje as relações dos seres humanos consigo mesmos e com os  outros humanos e que refletem uma relação predadora com o Planeta. Portanto, apresentamos uma concepção de pensamento metacognitivo que permita tornar mais éticas as relações estabelecidas formalmente pelos contratos didáticos e pedagógicos no interior da escola e em seus reflexos no e do seu entorno, propiciando assim a oportunidade de se desenvolver o pensamento que dê conta de nos tornar aptos para agir visando ao que mais importa hoje: o sonho possível de um mundo melhor para todos, segundo a cosmovisão freireana do inédito-viável.

Palavras-chave: Metacognição; Ética Planetária; Consciência Reflexiva; Utopia.

O artigo completo você encontra no link abaixo:

Metacognição e ética planetária.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *